Diário mãe de primeira viagem: 3 meses!

Diário mãe de primeira viagem

Slide3

Olá meninas!

Olívia completou 3 meses de vida n o dia 11/11!!! E tenho que repetir a frase “como o tempo voou”, é tão incrível pensar que estava na maternidade outro dia ansiosa pela sua chegada! Nesses quase 100 dias já aconteceu taaaaanta coisa, é tudo tão intenso e quando olho o relógio já são 5 da tarde e não fiz nadinha pra mim. Rs

Quando optei por virar mãe full time e não ter ajuda, já imaginava o quanto teria que me dedicar, cuidar de um bebê sem ajuda não é mole, isso porque a Olívia é super tranquila, mas mesmo assim, como esses mini seres ocupam nosso tempo e demandam! Estou muito feliz e realizada como mãe, mas nesses 3 meses eu “esqueci de mim”, nunca pensei que fosse ficar semanas sem fazer as unhas, dias e dias sem sair de casa, atualizar o guarda-roupa e passeios no shopping para aquelas comprinhas, nem pensar! Mas enfim, sei que é uma situação temporária e por um excelente motivo, sei também que quando acabar vou sentir saudades, estou curtindo a maternidade intensamente, o máximo que posso!

Eu nunca me imaginei uma mãe assim, mas pelas minhas características pessoais, já deveria prever que entraria de cabeça no meu momento mãe, sou muito “cuidadora”, e tenho o enorme defeito de achar que só eu farei direito, sabe? Sou daquelas que prefere assumir tudo (para fazer do meu jeito) do que delegar, isso é complicado e sei que preciso melhorar, tendo a ser assim em todos os setores da minha vida. Não julgo de forma alguma quem é diferente de mim, meninas!!! A maioria das minhas amigas tem ajuda e não acho absolutamente nada de errado com isso, acho que cada um tem que se adaptar da forma que melhor funciona pra si. Aliás, depois que virei mãe comecei a entender melhor as outras mães, e aprendi que jamais devemos julgar suas ações, cada bebê é diferente, casa casa tem seu ritmo e sua rotina, cada casal tem seu jeito…o importante é fazer o que te deixa feliz e o que é melhor para o seu bebê, não adianta se forçar a uma vida de mãe 24/7 se isso não te traz felicidade, o que obviamente não significa amar menos, só podemos dar amor e passar tempo de qualidade com nossos filhos se estivermos bem com a gente mesmo! Portanto, peça ajuda sim – profissional ou de familiares – e seja FELIZ!!!

Mas, desabafo a parte, vamos falar da rotina com uma baby de 3 meses! Olívia graças a Deus está ótima, saudável, linda, alegre, esperta…fico tão orgulhosa da minha pequena. Cada dia é uma novidade, ela foi se aproximando dos 3 meses e os risinhos, barulhinhos e “conversas” deliciosas foram surgindo. Fiquei bem impressionada como tudo evolui rapidamente, eles aprendem muito em tão pouco tempo!

Pelo que já li, é fundamental que os bebês tenham rotina, eles se sentem mais seguros assim. Devem ter hora de comer, brincar e dormir, de preferência nessa ordem (mas como já disse, cada um é de um jeito, o importante é conhecer e respeitar o seu bebê).

Como mãe de primeira viagem, totalmente inexperiente com crianças, me vi com uma grande preocupação em como deveria estimular meu bebê, para isso converso com meu pediatra e leio bastante – livros, blogs, matérias em revistas especializadas, enfim, saio buscando informação para tentar desempenhar meu papel da melhor maneira, mas as dúvidas e inseguranças acabam aparecendo, e como uma boa drama queen que sou, tenho meus dias de “será que estou sendo uma boa mãe e fazendo o que é melhor pra ela”? kkkk

Bom, para as mamães que também se preocupam com essa parte de estímulo e entretenimento, vou falar aqui sobre algumas coisinhas que tenho praticado com a Olívia e que acho legal compartilhar com vocês.

– Exercícios diários com o bebê de bruços (3 minutos ou mais, 3 ou mais vezes ao dia), importante para o fortalecimento do pescoço e para o bebê já ir se acostumando com a posição para engatinhar, comecei a fazer isso com 2 meses e estou aumentando o tempo gradativamente. Olívia não gostava muito dessa posição, hoje já gosta um pouco, mas o pediatra já me falou que é importante insistir, o truque é colocar brinquedos na sua frente e chamar sua atenção, assim ela se distrai e reclama menos. Tem também essas almofadinhas de atividades que são muito boas.

Slide1

Tenho essa meia lua a Olívia adora, minha afilhada tem o rolinho e também ama!

– Outra coisa interessante é deixar a criança em uma cadeirinha (com uma reclinação leve) durante algumas horas por dia para enxergar as coisas de outro ângulo e também ir fortalecendo o pescocinho. Comprei uma cadeirinha dessas que tremem, nem uso essa função, só coloco ela “sentadinha” mesmo e penduro alguns brinquedinhos para distraí-la.

Slide2

– Também a estimulo ao longo do dia com brinquedos e sons que chamem sua atenção. Ela começa a acompanhar com os olhos e também fica atenta aos sons, muito legal ver esse desenvolvimento.

Na verdade, eu faço um verdadeiro circuito com ela durante o dia! Rs

Foi a forma que encontrei de diversificar ao máximo as atividades e distraí-la, porque conforme crescem também ficam mais tempo acordadas e exigem mais interação, né?! No meu escritório (home office) deixo o tapetinho de atividades dela e pela manhã, em geral, ela fica ali do meu lado brincando enquanto consigo fazer uma coisa outra no computador, e assim a gente vai se virando.

Slide3

Slide4Minha princesa having fun!

Meninas, acho que já escrevi demais por hoje, mas é que tinha tempo que não atualizava vocês! Deixem aqui nos comentários perguntas, dúvidas, dicas e sugestões, tá?! Como sempre, será um prazer trocar ideias com vocês! 😉

Bjsss Tati e baby Olívia.

4 comentários em “Diário mãe de primeira viagem: 3 meses!”

  1. Allini em

    Tati iiii, você está se saindo SUUUUper bem!, parabéns!!, e é assim mesmo, a gente tem menos tempo para nós mesmas, mas daqui a pouco ela já vai estar indo para a escolinha e você vai sentir uma falta danada, rs…o tempo voooA, daqui a pouquinho você vai estar preparando a festança de 1 aninho. Parabéns novamente, a Olívia esta muito parecida com você. Tudo de bom meninas ;).

    • Tati Canto em

      Oi querida! Muito obrigada pelo carinho! Estou me dedicando e dando o meu melhor, isso é certo! Rs
      Ah, e que bom você ter achado parecida comigo, já ouvi de muita gente que parece com o pai, o que também me deixa feliz, claro! Mas a gente gosta de saber que tem algo da gente, né 😉
      Bjsss

  2. Ana em

    Oi,
    Ela está linda demais!!
    Olha, é assim mesmo, sou mãe de 03 e cada uma é de um jeito. Eu também às vezes me pego pensando: Será que é assim mesmo? Mas uso minha intuição e todo amor do mundo e vou em frente cumprindo meu papel da melhor maneira que posso. Como trabalho fora tenho que delegar algumas coisinhas mas tento de todas as formas estar presente na vida delas.
    A culpa aparece? Sim, não tem jeito é inevitável, mas se eu ficasse em casa em tempo integral eu também sentiria culpa. Vida de mãe é assim mesmo.
    Mas vou te falar uma coisa: não consigo imaginar minha vida sem Elas!
    Beijos
    Anna

    • Tati Canto em

      Oi Ana! Pois é, Olívia chegou há pouco tempo, mas de uma forma tão avassaladora que também não imagino minha vida sem ela e essa é a beleza desse amor infinito e incondicional que é a maternidade!!!!
      Obrigada pelo carinho e por compartilhar aqui comigo esses dilemas da vida de mãe! 😉
      Bjsss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *